quarta-feira, dezembro 27, 2006

terça-feira, dezembro 26, 2006

domingo, dezembro 24, 2006


Depois de saborear a bela cabidela de ontem, que nos guindou ao 1º lugar da Liga de Honra, cabe em primeiro, saudar todos os ultras pelo excelente comportamento, ATITUDE manifestada no jogo de ontem - Simplesmente Fantástica, Soberba!!!
Compete-nos também saudar a grande equipa do Mágico, que nos resolveu dar o melhor presente para a época natalicia.
Por fim, a Máfia Vermelha faz votos de um Feliz Natal e um Próspero Ano de 2007 para toda a famíla leixonense.
LEIXÕES SEMPRE! Posted by Picasa

domingo, dezembro 17, 2006

O Regresso do Mágico ...

Em jogo a contar para a 14ª jornada da Liga de Honra, o Mágico derrotou o Olivais e Moscavide por concludentes 4 a 0.
Numa tarde friorenta, os matosinhenses aproveitaram as benesses concedidas pelo clube (entradas gratuitas para jovens menores de 18 anos e mulheres) para marcarem forte presença no Estádio do Mar. E diga-se em abono da verdade, que deram por bem empregue o seu tempo, pois foram brindados com uma excelente exibição do Leixões (em especial na 1º parte), coroada com 4 tentos (Elvis, Roberto, Cervantes, Cadete), o último dos quais de belo efeito.
Concomitantemente, não nos vamos alongar mais com o comentário do jogo, pois a expressão do resultado é por demais elucidativa e clara.
A Curva, os Ultras, esse sim, é um tema que merece claramente uma profunda discussão.
Onde estavam os ULTRAS que matam e esfolam?
Onde estavam os que escrevem habitualmente na net a incendiar e acicatar guerras desmedidas?
Uma vez mais se comprovou, que não é o preço dos bilhetes o principal inibidor!
Muitos hoje compareceram no Estádio, entrando a custo zero, mas preferiram ficar comodamente sentadinhos na Superior Central, dedicando eventualmente parte do tempo a actividades como o "crochet", em detrimento de se juntarem ao grupo e apoiarem o Mágico.
Outros, optaram por ficar em casa, os famigerados e tão propalados ULTRAS de Sofá, preferindo no day-after mandar "bitaites" comodamente instalados e protegidos, criticando tudo e todos.
Essa é a tão apregoada mentalidade?
É bonito, cair de para-quedas nos jogos ditos "grandes" ou de "alto risco" e apregoar aos 4 ventos, que se é ULTRA, que se é da Máfia Vermelha.
Não são esses os princípos que norteiam o nosso grupo, daí o lema, de simplesmente diferentes!
Não virem para o grupo nos jogos em casa por vergonha, enfim... é tão ridículo, que tamanha insensatez repugna o mais comum dos mortais.
Sinceramente deviam era ter vergonha, de vocês próprios!
Ser ULTRA não é uma moda, já o foi no passado, mas a tendência é para a extinção, como tal, sei que os Verdadeiros vão continuar a LUTAR e a RESISTIR semanalmente, em prol do Mágico Leixões.
ULTRAS MÁFIA VERMELHA - Agir, viver e pensar ultra!
Posted by Picasa

quinta-feira, dezembro 14, 2006

Nem melhores nem piores ... apenas diferentes

ENTRADA GRATUITA PARA JOVENS MENORES E MULHERES!
Leva 1,2,3 enfim... os amigos que quiseres, todos seremos poucos para apoiar o Mágico.
Vamos dignificar o Clube, a Cidade e as suas gentes.
Todos ao Mar!
UM POR TODOS E TODOS PELO LEIXÕES! Posted by Picasa

domingo, dezembro 10, 2006


Jogo realizado em Penafiel, presenciado por uma boa moldura humana, que ficou manchado pela atitude provocatória do GR Avelino, aquando dos festejos do 1º golo penafidelense.
Muitos dos que visitam este mui nobre blog, devem estar neste momento a pensar..."perderam 3-0, vêm arranjar desculpas ou camuflar a derrota", porém consideramos que o comportamento incorrecto de Avelino, tem forçosamente que ser destacado, especialmente, quando saem cada vez mais, Leis rigorosas a penalizarem o mau comportamento do público.
Nós questionamos: para quando sanções punitivas a jogadores que provocam o público com gestos obscenos? Será que o Sr. Avelino se esqueceu que o futebol é um espectáculo pago e bem pago? Será que este Sr. se esquece que existem muitas crinças/jovens nas bancadas? Será que este Sr. gostava que os adeptos adoptassem esse tipo de atitudes na presença de familiares próximos de Avelino?
Em suma, este Sr. matou um jogo, matou um espectáculo, pois provocou uma série de tumultos na bancada, o que obrigou a uma desnecessária carga policial - ACAB " Em casa sem tesão, no estádio com bastão".
No tocante ao jogo, o mesmo foi bastante aberto e disputado em especial na 1ª parte. Na etapa complementar, o Leixões tentou assumir as despesas do jogo, gizando boas jogadas de futebol. Quando nada o fazia prever, Olegário descortina uma falta passível de grande penalidade a punir pretensa falta de Nuno Silva (motivando a expulsão do defesa do Leixões) e, na cobrança da mesma, o penafiel adianta-se no marcador.
O Mágico tentou reagir, dispôs de 2 boas oportunidades, mas a sorte foi madrasta ... tão tão madrasta que em 2 contra-golpes rápidos o Penafiel aumentou o score.
Com efeito, o resultado de 3-0 é bastante penalizador para uma aguerrida equipa matosinhense.
Os Adeptos do Mar, marcaram forte presença e, como é já apanágio dos verdadeiros, apoiaram o Mágico. Contudo o apoio na segunda metade foi inócuo, a partir do momento em que o Sr. Avelino provocou as hostes matosinhenses.
Por tudo o que se disse e podia ser dito, apelo à forte mobilização dos leixonenses para que no próximo jogo compareçam em massa, para guindar o Mágico a uma vitória.
UM POR TODOS E TODOS PELO LEIXÕES! Posted by Picasa

Decorreu no passado dia 8 de Dezembro, o "nosso dia", o Dia dos Adeptos...
Foi um dia repleto de actividades, bem conseguidas, que serviu para homenagear os Bravos Adeptos do Mágico, onde a paixão a par da mística pontificaram!
Iniciativa ímpar, que anualmente passará a figurar no calendário.
Aconselho vivamente todos os verdadeiros leixonenses a visualizarem a página do Site dos Adeptos, concebida especialmente para este Dia, e que, sintetiza na perfeição toda a acção desenrolada no Estádio do Mar, bem como no Orfeão de Matosinhos, aquando da apresentação do Livro "Heróis do Mar", autoria de Joaquim Pedro Correia.
Posted by Picasa

segunda-feira, dezembro 04, 2006

Dia 8: a não perder...

Programa de Actividades do "Dia do Adepto"
Dia 8 de Dezembro (Sexta-feira):

10H00 – Abertura oficial do "Dia do Adepto" do Leixões SC no auditório do estádio do mar com um dirigente do Leixões SC, um representante da Máfia Vermelha, um representante do Site dos Adeptos LeixoesSC.com e um dos sócios mais antigos do Leixões SC com uma ronda de perguntas à mesa por parte da plateia.
10H00-11H30 – Treino da Equipa de Futebol Sénior no relvado do Estádio do Mar com a possibilidade dos adeptos assistirem ao treino na Bancada Central.
10H30-11H30 e 14H15-17H00 – Votação a decorrer no Auditório do Estádio do Mar para a eleição da "Personalidade do Ano de 2006" após as 5 nomeações designadas pela votação prévia que decorreu no
Site dos Adeptos LeixoesSC.com: (Carlos Oliveira – Presidente da SAD, Jorge Moreira – Máfia Vermelha, Vitor Oliveira – Treinador da equipa senior, João Faneco – Coordenador das escolinhas e Mário Martins – Treinador da equipa senior masculina de voleibol)*
10H30-12H30
– Visitas Guiadas às duas renovadas Salas de Bilhar do Estádio do Mar.
11H00-12H00 – Exibição de Show Multimédia no Auditório do Estádio do Mar.
11H30-13H00 – Ocasião para contacto com os jogadores do Plantel Profissional de Futebol com possibilidade de autógrafos e fotografias.
14H30-15H30 – Sessão de perguntas e respostas a
Beto, Malafaia, Ricardo Jorge e Roberto no Auditório do Estádio do Mar.
14H30-17H00 – Visitas Guiadas às instalações do Estádio do Mar.
14H30-17H00 – Visitas Guiadas às 2 renovadas Salas de Bilhar do Estádio do Mar.
15H30-16H00 – Sessão de perguntas e respostas ao Prof.Mário Martins e a um jogador do Voleibol.
16H00-17H00 – Exibição de Show Multimédia no auditório do Estádio do Mar.
15H30-17H00 – Jogo de futebol entre adeptos no campo de treinos nº1 do Estádio do Mar com o pontapé de saida a ser dado pelo técnico
Vítor Oliveira que irá posteriormente assistir ao jogo.
17H15 – Encerramento das actividades no auditório do Estádio do Mar com a presença do Presidente da SAD, Sr. Carlos Oliveira, entre outras personalidades.
21H30 – Apresentação do livro
Heróis do Mar no Orfeão de Matosinhos (Rua Brito Capelo).
A Máfia Vermelha vai apresentar 2 equipas de futebol, inscreve-te junto dos responsáveis pela claque ou envia mail para:

sexta-feira, dezembro 01, 2006

MÁGICO - 4 Varzim - 0

Em semana de aniversário do Mágico, 3500 leixonenses deram o "pontapé-de-saída" cantando em uníssono os parabéns ao histórico emblema matosinhense, que completou no passado dia 28 de Novembro - 99 anos de existência!
Apesar das condições climatéricas agrestes, a tarde no Palco dos Nossos Sonhos começou bem e, prometia ser de fest(iv)a(l) ... e assim foi!
O grande timoneiro Vitor Oliveira e os seus bravos resolveram ajudar à festa e fizeram o resto ... levando a nau leixonense a bom Porto, fruto da robusta vitória sobre o Varzim, por 4 bolas a 0!
O Leixões apresentou um 11, com algumas alterações, Nuno Silva fez dupla com Elvis, Cervantes e Moita ocuparam as alas e Leandro Tatu acompanhou o nosso artilheiro no ataque.
Os Bravos do Mar entraram em campo, fortemente determinados e convictos que o enguiço caseiro iria terminar, pelo que, desde o apito inicial manietaram o Varzim e partiram em busca do golo. As jogadas de "bom futebol" sucediam-se e, Cervantes (grande exibição!) após um excelente passe desmarca-se e à saída do guardião poveiro, atirou a bola para o fundo das redes, estava feito o no Mar. Desengane-se quem pensou que o Leixões ia desacelerar, pois bem, os bravos continuaram a sufocar o Varzim e, Roberto, qual Picasso, faz o golo num excelente gesto técnico (calcanhar) - uma verdadeira obra de arte, digna de pontificar nos anais do Mágico.
O intervalo chegou com 2-0, resultado que premiava o acerto e a atitude do Leixões.
Na etapa complementar, o Varzim surgiu mais afoito e dispôs de 2 boas ocasiões para reduzir, porém Beto (cada jogo que passa, melhor está!) negou categoricamente os intentos poveiros,
que viriam a sofrer o golo autoria de Roberto, num erro grosseiro do guardião, qual Khadim!
A partir do golo, o jogo entrou numa toada de parada-e-resposta, as ocasiões de golo sucediam-se em ambas as balizas, até que Moita, após brilhante passe de Cervantes, resolveu sentenciar a partida, marcando o e último golo do Leixões.
Até final registo para uma perdida de Cícero, que cara-a-cara com o guardião poveiro desperdiçou a hipótese da "mão cheia", convenhamos que era demasiado para uma aguerrida formação poveira, que independentemente do resultado saiu de cabeça erguida pela entrega dos seus jogadores.
A Máfia Vermelha, fez questão de vincar o 99º aniversário do Mágico, realizando um tifo simples, mas forte!
A frase estrategicamente colocada na rede, fala por si:
99 anos... de Mística e Amor Ardente!
Nota muito positiva para os valorosos Ultras MV, que apoiaram incansávelmente o Mágico, particularmente nos últimos 20 minutos - FANTÁSTICO!
Assim dá gosto, dá pica!!!
Mais uma vez, comprovou-se que a Famíla Unida Jamais Será Vencida!
Em suma, grande atitude, grande jogo, excelente resultado e o tão ambicionado ... 1º Lugar.
Todos a Penafiel...
Posted by Picasa

segunda-feira, novembro 27, 2006

Simplesmente Diferentes ...

Desde já agradecemos o repto lançado pelos nossos amigos vitorianos, a incentivarem a malta a deslocarem-se a Vizela. O vosso apelo, tornou-se frutífero e cerca de 500 leixonenses marcaram presença em Vizela.
Infelizmente, exceptuando 5 “chicos” não vos vimos, fazíamos todo o gosto em vos pagar umas bifanas e umas cucas no intervalo. Realmente as bifanas de Vizela são das melhores, fica para a próxima, por certo não faltarão mais oportunidades!
No que concerne ao jogo, o Mágico conquistou a 5ª vitória extramuros. Foi uma vitória complicada mas justa, contra uma aguerrida formação vizelense que conta nas suas fileiras com 3 jogadores oriundos do Leixões.
Numa acérrima e emotiva partida de futebol, foi o Vizela a adiantar-se no marcador, porém, os adeptos vizelenses praticamente não tiveram tempo para comemorarem o golo obtido, pois no minuto seguinte, Roberto empatou a contenda para o Leixões. Já perto do final da º parte, Nuno Amaro bate um canto, e Filipe aparece sozinho ao segundo poste a encostar a bola para o fundo das redes de Baptista.
Na etapa complementar, o Leixões bem cedo perdeu o ensejo para ampliar a vantagem, para volvidos poucos minutos o Vizela restabelecer a igualdade, perante a passividade da defesa leixonense.
O jogo estava ao rubro, as jogadas de perigo rondavam ambas as balizas, até que Cícero, uma aposta de Vítor Oliveira para render Roberto, finalmente justificou a contratação obtendo o golo da vitória.
A Máfia Vermelha, pese as ameaças reais de emboscada vimaranense, compareceu no já habitual BUS, apoiando o Mágico em bom nível.
Foi bonito ver Cícero subir a rede e comemorar o golo da vitória com os Ultras do Mar.
Sinal Mais – para o novo cântico original do grupo …
Máfia Vermelha, a tua voz …

FAMÍLIA UNIDA, JAMAIS SERÁ VENCIDA!!!

segunda-feira, novembro 20, 2006

Mensagem do Grande Presidente
Caros Leixonenses:

Há muito que tenho sentido que faz falta abrir um canal de comunicação com os sócios e simpatizantes do Leixões.
Assim, para que todos possam fazer chegar os seus comentários e sugestões foi criado o endereço
presidente.sad@leixoessc.pt.
Agradeço que façam chegar as opiniões e criticas que entenderem, pois todas serão lidas e analisadas.
Como compreenderão nem sempre poderei estar de acordo com todos e nem sempre todos sabem exactamente a verdadeira “verdade” do que por aí se diz.
O Leixões precisa de todos, mas, essencialmente, de “bom senso” que não envergonhe a “paixão” dos Leixonenses.
Não gosto de falar de mim mas creio que estou a dar o meu melhor apesar das dificuldades, muitas delas até não divulgadas e de que, agora, não gostaria de falar.
Os tempos são difíceis e só a união nos pode valer.
Espero também propostas úteis, realistas e claras; tentarei dar saída a todas que estiverem ao meu alcance.

Viva o Leixões!
Carlos Oliveira

domingo, novembro 19, 2006

10ª Jornada: Leixões 0 Elman(Olhanense) 1

Falam, falam mas o facto é que com esta "Bicha da Madeira" somos constantemente espoliados no "Palco dos nossos Sonhos". Mais um jogo, mais uma arbitragem habilidosa de EL MANO(BRADOR).
Numa tarde que se pretendia ser de festa, o Leixões a jogar contra 13 homens e 1 Banana envenenada, perdeu com a formação algarvia do Olhanense por 1-0. O Golo madrugador foi obtido na transformação de uma grande penalidade a punir falta de Nuno Amaro.
A partir deste lance o Leixões procurou incessantemente o golo, gizando diversas jogadas de perigo, levando a bola a rondar a baliza algarvia, mas hoje não era tarde de S. Roberto. O grande artilheiro bem tentou mas não conseguiu o tão almejado tento. Pedro Moita, autor de uma boa exibição na 1ª metade da contenda também porfiou, conseguindo introduzir a bola no fundo das redes, mas Elmanobrador anulou incrivelmente o lance, assinalando uma falta-fantasma!!! Os Bravos do Mar não desarmaram e, tentavam tomar de assalto a baliza algarvia, mas o abominável homem-casca da Madeira tudo fez para travar o ímpeto ofensivo do Leixões. Para terminar a 1ª parte em grande estilo, a "Bicha" assinala canto a favor do Leixões e, quando Cervantes se preparava para bater o canto, a "Bicha" quem mais, resolve apitar para o término dos 1ºs 45m. Hilariante no mínimo!
Na etapa complementar, Elmano sempre Elmano resolve expulsar Jorge Gonçalves... decorriam 2m de jogo!
Terminou a crónica deste encontro, pois o mesmo terminou aos 47m, quando ElManobrador matou o jogo!
No que respeita aos bravos ultras, aos verdadeiros, tiveram um desempenho excelente.
Bonita entrega e atitude dos Ultras MV, que mesmo a chover torrencialmente não arredaram pé e, lutaram até ao apito pelo Mágico Leixões!
TODOS A VIZELA!

sexta-feira, novembro 17, 2006

LEIXÕES - OLHANENSE

LARGO A FAMÍLIA PARA TE VER
LARGO O TRABALHO PARA TE VER
EU FICO LOUCO
SE TE VEJO VENCER
LEIXÕES

domingo, novembro 12, 2006

"PERSONALIDADE DO ANO 2006"

Participa nesta iniciativa promovida pelo Site dos Adeptos.
Faz o teu registo e vota em três personalidades que se tivessem destacado no Universo Leixonense durante este ano.

www.leixoessc.com - Clica, regista-te e VOTA!
Curva Livornesi: homenagem ao grande capitão Lucarelli...

Livorno - 1 Juventus - 3

quarta-feira, novembro 08, 2006

Taça de Portugal: Leixões segue em frente...

Em jogo a contar para a 3ª eliminatória da Taça de Portugal, o Leixões bateu o Ribeirão por uma bola a zero. O golo dos Bravos do Mar surgiu no minuto 92, autoria de Jorge Gonçalves.
Para a história fica a vitória do Leixões, num jogo bastante incaracterístico, jogado numa toada muito lenta, onde escassearam momentos de bom futebol. A chave da vitória rubro-branca saiu do banco de suplentes, Cervantes e J. Gonçalves "mexeram" com o jogo, trazendo maior vivacidade e emotividade ao mesmo.
Posted by Picasa
Borrachos del Tablon (14) no seu melhor ...

domingo, novembro 05, 2006

9ª Jornada: Gondomar-1 Leixões-2

Em jogo a contar para a 9ª jornada da Liga de Honra, o Leixões bateu a formação gondomarense por duas bolas a uma, golos apontados por Roberto na 1ª parte e Cleuber na etapa complementar. Foi uma vitória extremamente díficil e sofrida, mas que assentou que nem uma luva, a uma equipa que mostrou grande atitude e determinação.
Destaques pela positiva: - Excelente golo de Roberto, mais um;
- Enorme jogo de Bruno China;
- Actuação de Cadinha, que entrado aos 58m, mostrou grande clarividência, serenando e pautando o jogo da equipa.
Os adeptos leixonenses marcaram presença em bom número e, nunca regatearam o apoio à equipa, que se sentiu practicamente em casa. Os valorosos Ultras Máfia Vermelha estiveram incansáveis no incentivo aos Bravos do Mar, que não ficam indiferentes ao forte apoio prestado à equipa.
Recentemente, numa entrevista concedida ao Site dos Adeptos, Roberto teceu rasgados elogios aos Ultras MV:
ELE É O ROBERTO
ARTISTA BRASILEIRO
CENTRO-AVANTE
O NOSSO ARTILHEIRO
Site dos Adeptos - Qual a sua opiniao sobre nós adeptos?
Roberto
- Acho que é uma massa associativa que até ao momento não tenho nada a apontar, pelo contrário... Desde jogos fora, jogos em casa, inclusivé nos jogos-treino com equipas menos conhecidas, eles estão lá e isso empolga o jogador. Estão sempre a incentivar. Ainda no jogo com o Guimaraes, perdemos e não se ouviam assobios nem críticas e acho que isso é importante. Sabemos que o campeonato é dificil, há vários candidatos à subida e nós somos um deles e queremos subir, contando sempre com o apoio da "torcida" como 12º jogador, porque às vezes podemos estar em baixo e sem confiança, mas com esse apoio e incentivo o jogador consegue ultrapassar. A Máfia Vermelha tem sido importante e nós sentimos o apoio dos adeptos e isso dá-nos força e mesmo estando cansados procuramos correr mais um pouco porque os adeptos merecem. (excerto da entrevista concedida pelo artilheiro ao site dos adeptos).
Lê a entrevista na integra:

Posted by Picasa

sexta-feira, novembro 03, 2006

No Domingo passado este foi o panorama da curva vermelha...

Este Domingo, todos a Gondomar!
Concentração no Estádio do Mar às 13.30h.
Pede-se a todos os Ultras que possuam viatura, o favor de a levarem...
Objectivo Caravana Vermelha!
Posted by Picasa

quarta-feira, novembro 01, 2006

8ª Jornada: Leixões - 0 VSC - 2
Domingo, 29 de Outubro de 2006...
Às 10h da manhã, cerca de 30 indefectíveis leixonenses já se encontravam nas bancadas do Estádio do Mar, a ultimar os preparativos para o grande jogo da 8ª Jornada. O ambiente era excelente, o espírito de grupo reinava e, foi neste clima que o Tifo foi montado. Seguiu-se um retemperante almoço nas imediações do estádio, pois a adrenalina era intensa. O tempo ia passando, o pessoal começava a concentrar-se junto ao "Sétimo Céu". O grosso da Máfia Vermelha entra para o estádio perto das 14.30h.
Como se comprova pela foto, o grupo registou uma excelente moldura humana.
À entradas das equipas, a Máfia Vermelha ergueu um "Vulcão" em erupção (abertura de potes de fumo) acompanhada por uma tarja na rede : "PAIXÃO VULCÂNICA!". Uma excelente ideia, mais uma, porém, reconhecemos que se as condições da bancada fossem melhores, o tifo teria outro impacto.
O apoio prestado à equipa nos primeiros 20 minutos foi excelente, tendo esfriado um pouco quando os pseudo-conquistadores de água doce resolverem provocar os adeptos leixonenses!
Porém, deviam ter o cuidado e o bom-senso de se aperceberem que estavam em Matosinhos e não na Póvoa de Varzim!
Na etapa complementar, a MV continuou em grande estilo a incentivar os bravos jogadores do Mar.

No day-after, ficamos incrédulos com as notícias publicadas no Mais Futebol e no sportugal.pt.
Os incompetentes e frustrados autores destas notícias dão pelo nome de Carlos Manuel Freitas e Vitor Oliveira, respectivamente. Ambos pintaram um quadro inverosímil, o que revela que não têm qualquer pingo de ética e, que como jornalistas são uma valente nódoa!
Quererem envolver o nome do grupo, em episódios que desconhecemos, mas não vão ficar impunes, na medida em que, o gabinete jurídico do grupo está já a estudar a hipótese de instaurar um processo aos referidos jornalistas por difamação!

Quanto aos vimaranenses, não se comparem connsoco, somos demasiadamente GRANDES, para sermos comparados!

Fizeram papel de vítimas na deslocação ao Mar, enfim... pobres tristes, que maltratam tudo e todos e pensam que são reis. Não nos esquecemos, quando na remota época de 1988/89 fomos cobardemente apredejados por vimaranenses e nem mesmo, senhoras com bébés ao colo escaparam à vossa fúria!

Vêm falar em pânico, mas que pânico, talvez estivessem receosos que a lava vulcânica vos esquentasse o rabo!
Por fim, parem de fazer ameaças, não percam mais tempo, pois na segunda volta aí estaremos em força, para apoiar o Mágico!
ATÉ AO ÚLTIMO PEIXEIRO!
Posted by Picasa

domingo, outubro 22, 2006


Há dias assim: Festival na curva, grande atitude da equipa...
7ª Jornada: Rio-Ave - 1 Leixões - 2 (Roberto (2))

Numa tarde cinzenta, onde a chuva marcou presença de forma impetuosa, o Leixões sofreu para vencer a aguerrida formação vilacondense. Roberto "molequão" fez vibrar os leixonenses presentes, selando o triunfo do Leixões no último minuto da partida!!! Foi uma sensação de "deja-vu", qual Dionísio na Reboleira há duas épocas atrás.
A 1ª parte do jogo foi marcada claramente pelas péssimas condições climatéricas, a forte-chuva aliada ao vento, condicionaram a práctica do futebol com prejuizo para o Leixões que jogando a favor do vento, nunca conseguiu encontrar soluções para furar a defensiva verde e branca. Uma série infindável de cruzamentos tirados para fora foi o melhor que conseguimos, ao invés o Rio-Ave conseguiu gizar algumas jogadas de bom futebol, porém os lances de maior perigo esbarraram no grande guardião Beto, que uma vez mais, cotou-se com uma esplêndida exibição.
Na etapa complementar o Leixões surgiu mais afoito e desde o início tentou controlar a partida, até que, Duarte Gomes decide expulsar o capitão Elvis por uma infracção que o defesa brasileiro não cometeu, este lapso do juíz madeirense alterou os dados do jogo e, volvidos poucos minutos o Rio-Ave chegou à vantagem, Fábio na recarga de um livre defendido por Beto encostou a bola para o fundo das redes, num lance que deixou muitas dúvidas no tocante ao posicionamento de Fábio.

Porém, quando ainda muitos adeptos barafustavam com o fiscal-de-linha, o Leixões atraves do inevitável Roberto empatou a contenda. Imediatamente a seguir Duarte Gomes expulsa um jogador vilacondense, ficando as equipas assim, reduzidas a 10 elementos. O Rio-Ave não entregou a partida e podia mesmo adiantar-se no marcador, porém Beto por 2 vezes impediu o golo da equipa comandada por João Eusébio.
Numa fase, em que os adeptos do Mar, já se contentavam com o empate obtido fora-de-portas, eis que Roberto, quem mais, após um passe de Filipe percorre uns bons 30 metros e fuzila a baliza de Mora, para gaúdio dos leixonenses presentes. Momento arrepiante!
Poucos segundos depois, o árbitro deu por terminado o encontro.
Foi lindo ver a equipa festejar ao lado do grupo, e em especial, ver o grande Artilheiro Roberto dedicar os golos e a vitória aos incansáveis ultras que deram um verdadeiro recital.

Pois, para terminar a Máfia ...
Uma excelente trasferta de metro, um grande ambiente e um apoio descomunal a fazer lembrar o 1º ano do grupo.
90 minutos de apoio de grande nível, uma entrega e uma união ímpares.
Assim vale a pena, os verdadeiros responderam ao repto lançado pelo blog.
Numa palavra: Soberbo!
A FAMÍLIA UNIDA, JAMAIS SERÁ VENCIDA!!!

sexta-feira, outubro 20, 2006

domingo, outubro 15, 2006

Só os fracos desistem... só os fortes persistem!

Esta foto, esta frase serve para todos os ultras MV pensarem e reflectirem sobre o comportamento na curva.
Uma vez mais, notou-se que é bonito ir à bola com adereços do grupo, usufruir de ingresso do grupo e depois ... ausentarem-se do grupo!
Esta práctica sórdida e rotineira (de alguns...) continua a vigorar, mas só vem reforçar a frase escolhida para este post.
Os verdadeiros, esses independentemente de tudo, continuam a lutar pelo Mágico.
É uma luta desigual, mas genuína, cada vez mais no Mar, sentimos que estamos a jogar fora-de-casa!!!
No tocante ao jogo de hoje a contar para a 6ª jornada da Liga de Honra. o Leixões bateu a formação do Trofense por 1-0, golo marcado no início da etapa complementar, autoria do artilheiro Roberto.
No que respeita ao jogo, foi uma partida desinteressante, onde escassearam oportunidades de golo e, onde se pode constatar que a formação do Leixões está algo intranquila. Valeram os três pontos!
A curva esteve em bom plano e, poderá atingir um nível mais elevado, quando todos remarem para o mesmo lado.
Na MV não existem grupos, existe sim uma Família, e nada mais! Posted by Picasa

quarta-feira, outubro 11, 2006


Se ainda não renovaste, apressa-te para o fazeres este fim-de-semana!
BILHETES LIMITADOS PARA SÓCIOS Posted by Picasa

sábado, outubro 07, 2006

River Plate ( cancion nueva )
Notícias última hora

Jogo amigável, disputado no Relvado nº2 do Mata Real em Paços de Ferreira:
Paços de Ferreira - 2 Leixões - 1 (Roberto)
Na 1ª metade da contenda, presenciada por cerca de 40 espectadores e, perante uma chuva contínua, o Leixões apresentando um 11 com poucas alterações face ao tradicional, teve o sinal mais da partida, porém apenas conseguiu concretizar um golo, através de um cabeceamento de Roberto a corresponder muito bem a um excelente cruzamentó de Alexandre. De modo, que o empate registado no fim da 1º parte a uma bola, era lisonjeiro para os pacenses.
Na etapa complementar, os treinadores fizeram alinhar outros 11 jogadores e, neste período destaque para o golo do Paços e para a apagada exibição leixonense. Posted by Picasa

quinta-feira, outubro 05, 2006

segunda-feira, outubro 02, 2006

5ª Jornada: Estoril - 1 Leixões - 0

Estádio António Coimbra da Mota em Estoril, 01 de Outubro de 2006
Sensivelmente 400 apaniguados do Mar compareceram no Estoril ávidos de uma vitória do Mágico. O tempo estava excelente, a equipa prometia, a fé dos adeptos era inabalável, enfim... estavam reunidos os condimentos necessários para a conquista de mais 3 pontos!
Desde o apito inicial de Pedro Proença, se sentiu que "forças exteriores" iam condiconar o encontro. O Estoril entrou melhor no jogo e empurrado pelo trio de arbitragem materializou o seu domínio atráves da conversão de uma grande penalidade a punir falta de Elvis sobre Malá. O Leixões tenuamente tentou reagir, porém o fiscal-de-linha quis e conseguiu ser o protagonista da partida por uns instantes, ao sancionar uma falta fictícia de Jorge Duarte sobre um jogador canarinho, Pedro Proença advertiu o jogador do Mar com a segunda cartolina amarela e a consequente expulsão. A partir deste momento, o Leixões nunca mais se encontrou, pese embora disfrutar de uma série infindável de cantos, jamais o Leixões conseguiu gizar lances de grande perigo. Ao invés, o Estoril a jogar em contra-golpe disfrutou de excelentes oportunidades de golo, superiormente defendidas/evitadas por Beto, que se cotou como o Homem do Jogo.
A Máfia Vermelha marcou presença com cerca de 20 elementos, que fizeram jus ao repto lançado no blog e, apoiaram incansavelmente a equipa durante os 90 minutos.
É caso para dizer, poucos mas bons!
Bela demontração de raça e espírito ultra!!!
Posted by Picasa

sábado, setembro 30, 2006

Assembleia Geral Leixões Sport Clube
Decorreu esta noite no Pavilhão dos Congressos pelas 21.30h, a Assembleia Geral do Mágico, presenciada por escassos associados, que se deslocaram à Nave de Matosinhos com o propósito de aferirem o Relatório e Contas do Leixões Sport Clube respeitante à época 2005/2006, que terminou com um resultado positivo de 146.593,01€.
O Relatório e Contas foi aprovado por maioria, no obstante convém mencionar que houveram 4 abstenções.
Perante uma fraca plateia, nota para a intervenção de um associado, que abordou uma série de temas, entre os quais, destacamos pela importância: o despedimento do técnico da secção de Natação, a ida de F. Costa para o Algés; o facto de continuar a chover na Bancada Central e, a falta de publicitação/divulgação desta Assembleia Geral.
Coube ao Presidente do Clube - J.M. Dias da Fonseca responder a todas as questões, deste modo ficamos a saber que o "arranjo" da cobertura da bancada cifra-se nos 50.000 euros, pelo que de momento não é viável o seu reparo! Foi também esmiuçado um pouco, o famigerado Totonegócio e a amortizção do nosso passivo, que para o nosso responsável é a prioridade máxima do clube. Assim, foi transmitido que restam pagar 128.000 euros à Segurança Social (PEC), para se obter o perdão de cerca de 400.00 euros de juros vencidos.
Ainda houve tempo, para Ferreira Alves explicar aos associados, o papel do Leixões em todo o processo do "Caso Mateus", e, concomitantemente dissipar de vez todas as dúvidas que ainda subsistiam nos ferverosos adeptos do Mar. Posted by Picasa